sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Mulher reaparece viva 13 dias após ‘ser enterrada’ nos Estados Unidos


Expresso
Tamanho do texto A A A
Uma mulher foi encontrada viva 13 dias após sua família ter enterrado o que achavam ser o seu corpo. Sharolyn Jackson, de 50 anos, apareceu em uma clínica de saúde mental da Filadélfia, nos Estados Unidos, e bem viva.
A mulher foi dada como desaparecida no dia 18 de julho. Quando um corpo com as características de Sharolyn foi encontrado perto de sua casa, dois dias depois do sumiço, as autoridades acharam que se tratava dela. A família fez o reconhecimento do corpo e assinou o atestado de óbito.
Foto: Local onde Sharolyn foi sepultada / Reprodução / CBS
O marido de Sharolyn, David Minnie, recebeu a notícia de que ela não estava morta da boca do próprio filho.
- Você tem a certeza que ela está morta, então Travis (filho do casal) vem aqui com a boa notícia de que ela está viva - comentou David, que no dia do reconhecimento do corpo tinha certeza de que se tratava de sua mulher: - Eles mostraram fotos em preto e branco. Parecia muito com ela.
Agora, as autoridades irão exumar o corpo da mulher que foi enterrada por engano para investigar as causas de sua morte.


Como criar sites facilmente

Nenhum comentário:

Postar um comentário